segunda-feira, 4 de maio de 2015

HOSPITAIS PÚBLICOS SEM BRIGADA DE INCÊNDIO !!!

        O Decreto Estadual nº 56.819, de 10 de março de 2011. Institui o regulamento de segurança contra Incêndio das edificações e áreas de risco. “ Artigo 1º - Este Regulamento dispõe sobre as medidas de segurança contra incêndio nas edificações e áreas de risco, atendendo ao previsto no artigo 144 § 5º da Constituição Federal, ao artigo 142 da Constituição Estadual, ao disposto na Lei Estadual nº 616, de 17 de dezembro de 1974 e na Lei Estadual nº 684, de 30 de setembro de 1975” “ Artigo 3º - parágrafo XVIII – Institui as IT (Instruções Técnicas) que são documentos elaborado pelo Corpo de Bombeiros que regulamentam as medidas de segurança contra incêndio nas edificações e áreas de risco. No caso da Brigada de Incêndio a IT-17, especificamente trata do Assunto.

     A população do Estado do Rio de Janeiro está sofrendo com a falta de atenção do governo em relação a segurança pública, recebemos mais uma terrível notícia:
   BATALHÕES PERDEM PMs de REFORÇO (Jornal O DIA) Mas o que a mídia não ainda falou é que BOMBEIROS QUE ATUAM NOS HOSPITAIS PÚBLICOS, TAMBÉM TERÃO SEUS SERVIÇOS SUSPENSOS, Antes de pensar em defender um tipo de serviço na folga dos militares,algo inapropriado, uma vez que a folga deve ser para descanso e gozo da família, precisamos pensar na SEGURANÇA DA POPULAÇÃO CARIOCA E FLUMINENSE, em se tratando dos hospitais públicos, será que a necessidade de UM SISTEMA DE PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS ACABOU ?
     Ou será que o GOVERNO DO ESTADO quer que histórias, tais como, INCÊNDIO NO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO PEDRO ERNESTO EM 2012:
 INCÊNDIO NO HOSPITAL PEDRO II :

nos hospitais em através dos boletins internos das corporações: CBMERJ e PMERJ
     

6 comentários:

  1. PQP!!!Tanta coisa que menos importante e que dava pra cortar e os inteligentíssimos gestores do Estado do RJ e CBMERJ,me fazem uma merda dessas...retiram as brigadas dos hospitais!!!É daí pra pior...

    ResponderExcluir
  2. No hospital federal de Bonsucesso a equipe é de Bombeiros Civis ou Brigadista Civil!!!

    ResponderExcluir
  3. ABMERJ....APROVEITEM PARA PEDIR A CONVOCAÇÃO DOS EXCEDENTES DO ÚLTIMO CONCURSO CFC CFS E CHOAE......FALTA APENAS INSPEÇÃO DE SAUDE E TAF......ASSIM O ESTADO ECONOMIZA EM NÃO TER DE CONTRATAR OUTRA BANCA PARA UM NOVO CONCURSO......

    ResponderExcluir
  4. Concordo com o pleito e sou favorável ao estabelecimento de Brigadas de Incêndio, civis ou militares, em edificações de risco como é o caso dos Hospitais. Logicamente nas edificações públicas, o ideal seriam as brigadas formadas por militares do CBMERJ (PROEIS / RAS). Mas a legislação citada é do Estado de São Paulo. No Rio de Janeiro a legislação que versa sobre o assunto é: Decreto nº 35671, Resolução SEDEC nº 279 e Resolução SEDEC nº 31.

    ResponderExcluir
  5. No hospital Adão Pereira Nunes, o Hospiral de Saracuruna, a rede preventiva esta toda com vazamentos, pois estão corroídas , as bombas de incêndio não funciona a muitos anos, não tem rampas para retirada de paciente em caso de incêndio, só escadas, tem 4 andares e só tem 2 cadeiras para remover pacientes pelas escadas, 1 no 4* anadar e 1 no 3* andar, só tem extintores de agia e PQS, uma vergonha.

    ResponderExcluir
  6. Vocês não percebem que a armação estava planejada? O novo comandante geral é o mais interessado nisso. É proprietário de brigada de incêndio e vai dar um jeito para que elas sejam contratadas.

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.