domingo, 26 de julho de 2015

Explosão no Posto 4, em Copacabana, deixa dois salva-vidas feridos


Gustavo Ribeiro
26/07/2015 17:45:33 - Atualizada às 26/07/2015 21:41:31
Cabo Melo sofreu queimaduras nas pernasFoto: WhatsApp O DIA (98762-8248)

Rio - Uma explosão na parte interna do Posto 4, em Copacabana, Zona Sul do Rio, deixou dois guarda-vidas feridos na tarde deste domingo. Segundo o Corpo de Bombeiros, as vítimas — identificadas como cabo Mello e cabo Corrêa — estavam no interior do posto no momento da explosão. 

Eles foram encaminhados para o Hospital Miguel Couto, na Gávea, e transferidos para o Alberto Torres, em São Gonçalo. De acordo com testemunhas, um botijão de gás ou vazamento de gás de um bueiro pode ter causado o acidente. 

Ainda segundo as informações de outros salva-vidas, o cabo Mello sofreu queimaduras nas pernas e o cabo Corrêa teria ficado com mais de 60% do corpo queimado.

A direção do Hospital Estadual Alberto Torres informou que o paciente Bruno Morais de Mello apresenta estado de saúde estável e com bom prognóstico de recuperação, pois o militar foi menos afetado por queimaduras.

Já o estado de saúde do cabo Correa é estável, mas inspira cuidados, devido à extensão de suas queimaduras.

Segundo a 13ª DP (Copacabana), as investigações estão em andamento. A perícia foi realizada no local e a responsável pelo posto prestou depoimento. "A unidade aguarda alta médica das vítimas para que possam ser ouvidas e agentes estão em diligências na busca de mais informações que possam ajudar no caso", afirma a Polícia Civil, em nota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.