segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Postos de salvamento da Barra da Tijuca serão vistoriados

Na próxima segunda-feira (10.08), o Corpo de Bombeiros do Rio, por meio do Comando de Área de Atividades de Salvamentos Marítimos (CBA XI), dará continuidade ao cronograma de vistoria nos postos da orla da Barra da Tijuca, no que diz respeito à manutenção dos mesmos. A definição aconteceu nesta sexta-feira (07.08) durante reunião na Secretaria Especial de Concessões e Parcerias Público-Privadas (SECPAR), com as participações do coordenador-geral do órgão, Gustavo Almeida, e o vice-presidente da Orla Rio, João Marcello Barreto, além do comandante do CBA XI, coronel Marcelo Pinheiro.

Durante a reunião, ficou definido, ainda, que o projeto de reestruturação interna dos postos será realizado pela Orla Rio com apoio do guarda-vidas sargento Thiago Vidal de Athayde, que é arquiteto. Inicialmente, a previsão é que o posto 12, no Leblon, e outro a ser escolhido na área operacional da Barra da Tijuca sejam os projetos-modelo das intervenções que acontecerão no interior das demais estruturas.

De acordo com o coronel Marcelo Pinheiro, a ideia é estabelecer a condição ideal para o trabalho dos guarda-vidas, de forma que eles tenham um ambiente de trabalho à altura da importância de suas atividades.

- A intenção é que essa área interna dos postos seja funcional. O ambiente tem que colaborar com a atividade a ser desenvolvida pelo militar. Por isso, a reunião desta sexta-feira foi de grande valia. A Orla Rio assumiu o compromisso e nós ajudaremos no que for possível. Inclusive, a colaboração de um guarda-vidas no projeto será muito importante. Afinal, além de arquiteto, ele exerce a atividade-fim e conhece, melhor que qualquer outra pessoa, àquele espaço e sua funcionalidade em prol do exercício da função – disse.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.