quarta-feira, 30 de setembro de 2015

NINGUÉM JOGA PEDRA EM ÁRVORE QUE NÃO DÁ FRUTOS

A ÁRVORE QUE CHORAVA

Certa vez, quando um dos anjos de Deus saía para iniciar mais um dia de ajuda aos filhos de Deus, escutou um choro sentido vindo de um campo.

Pensou tratar-se de algum ser humano, mas, ficou surpreso ao ver que quem chorava era uma árvore.
– Por que choras, dona árvore? perguntou-lhe o anjo.


– Choro porque mais um dia vai começar, e o meu sofrimento também.

– E o que a faz sofrer, minha amiga? Será, porventura, o calor do sol?

– Não, “seu” anjo, o sol me faz bem. O que me faz sofrer são as pessoas. Tanto as grandes quanto as pequenas. Elas jogam pedras em mim o dia inteiro. Não consigo entender, “seu” anjo. Eu faço de tudo para agradá-las, mas, elas continuam me maltratando. A árvore aí ao lado, ó, não produz nada, e ninguém maltrata ela. Mas, eu, que me esforço tanto para produzir frutos deliciosos, só levo cacetada. Por que será que elas não gostam de mim?

– Ah… então é isso. Você está enganada, dona árvore. As crianças gostam demais de você e dos seus frutos, por isso elas jogam pedras em você: é para pegar seus frutos.

– Será, “seu” anjo?

– Tenho certeza, minha amiga, preste bem atenção, pois esta frase não é minha, é deles, dos próprios seres humanos e é tão antiga quanto a própria humanidade. Sabe o que eles dizem sobre isso? Eles dizem o seguinte:

“Ninguém joga pedra em árvore que não dá fruto”

– Alegre-se minha amiga, se estão jogando pedra em você, é porque você está produzindo alguma coisa boa.

Melhor é sofrerdes fazendo o bem, se a vontade
de Deus assim o quer, do que fazendo o mal.

I Pedro 3.17

2 comentários:

  1. Parem de querer aparecer e apareça realmente tentando aprovar a Pec 300.Nem entrou em pauta bons frutos e Homens são conjunturas completamente diferentes.

    ResponderExcluir
  2. Pregador luo árvore de bons frutos essa é música combiná com isso veja essa música evangélica

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.