segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Bombeiros resgatam cobra presa embaixo de carro no Centro do Rio


Bombeiros resgataram a cobra que estava embaixo do carro 

Uma cobra que estava presa embaixo de um carro, na Rua Lélio Gama, no Centro do Rio de Janeiro, foi resgatada no começo da tarde desta segunda-feira. O animal, da espécie jiboia, foi capturado por bombeiros do Quartel Central e solto na Floresta da Tijuca. A informação foi recebida por meio do WhatsApp do EXTRA (21-99644-1263).

Quem percebeu o bicho foi um vendedor que passava pela rua, na entrada do estacionamento do prédio da Petrobras. Dezenas de pessoas se aglomeraram para ver a cobra e acompanhar o trabalho dos bombeiros.


Cobra estava presa no parachoque o carro Foto: Via WhatsApp

- A dona do carro não tinha percebido que tinha uma cobra embaixo do parachoque. Um homem que viu e avisou, no momento em que ela descia para comprar alguma coisa - disse Wagner Farias de Assis, funcionário da Petrobras.

O Corpo de Bombeiros informou que o animal foi levado, sem ferimentos, para a Floresta da Tijuca, onde foi solto. Ainda segundo a corporação, foi a motorista do veículo quem chamou os agentes para realizar a captura da jiboia.


Multidão se aglomerou para ver a cobra Foto: Foto de leitor / Via WhatsApp


Corpo de Bombeiros foi acionado para capturar réptil Foto: Foto de leitor / Via WhatsApp


Bombeiro conseguiu resgarar o animal de dentro do carro Foto: Foto de leitor / Via WhatsApp




Cobra virou atração no Centro do Rio Foto: Foto de leitor / Via WhatApp


Era possível ver o animal por baixo do carro Foto: Foto de leitor / Via WhatsApp

FONTE: EXTRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.