quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Governador Pezão pede que Exército ocupe o Chapadão

Em reunião, nesta segunda-feira (19), com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo (PT), o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) pediu que o Exército ocupe o Complexo do Chapadão, na região da Pavuna.
Os militares, que também estavam no encontro, argumentaram, porém, que não têm recursos, neste momento, para bancar a operação.
Segundo o comando do Exército, calcula-se que a ocupação do complexo custaria o dobro dos mais de R$ 500 milhões investidos na Maré, onde a Força de Pacificação permaneceu por um ano e três meses.
Antecipação
A ocupação, pelos militares, dos morros do Chapadão, da Pedreira, da Lagartixa e do Quitungo já é prevista, mas apenas como parte do esquema de segurança das Olimpíadas de 2016. A região é estratégica, pois fica a um quilômetro do Complexo Esportivo de Deodoro.
Desde maio, setores da inteligência do Exército e dos Fuzileiros Navais fazem o levantamento das favelas, inclusive, fotográfico. Até Pezão pedir a antecipação, a ideia era que os militares entrassem nos morros somente no primeiro trimestre de 2016.

Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/extra-extra/governador-pezao-pede-que-exercito-ocupe-chapadao-17822809.html#ixzz3pAOY9RQo

2 comentários:

  1. Só pedir o Cabral emprestado um pouquinho de dinheiro

    ResponderExcluir
  2. SERÁ MAIS UMA OCUPAÇÃO QUE NINGUÉM SERÁ PRESO, POIS OS BANDIDOS JÁ FORAM PREVIAMENTE AVISADOS DA TÃO OCUPAÇÃO.
    SERÁ MAIS UMA COMUNIDADE PARA OS PMs MORREREM E ENXUGAREM GELO.
    RIDÍCULA ESSA POLÍTICA DE "SEGURANÇA"!!!

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.