quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Protocolado pedido de impeachment contra Temer

O deputado pede que seu pedido seja anexado ao da presidente e acatado por Cunha 


BRASIL - Nesta quinta-feira (9), o deputado federal pelo Rio de Janeiro, Cabo Daciolo (sem partido) protocolou um pedido de impeachment contra o vice-presidente Michel Temer (PMDB), por crime de responsabilidade, mesmo argumento utilizado na ação contra a presidente Dilma Rousseff (PT). 


Michel Temer Foto: Divulgação/Internet 

O deputado pede que seu pedido seja anexado ao da presidente e acatado pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, que é o terceiro da linha sucessória presidencial. 


Cabo Daciolo Foto: EBC 

"Em relação à edição de decretos sem número a participação do vice-presidente foi ativa e não tão-somente omissiva, pois nas datas em que a Presidente da República se ausentava em viagem ao exterior, na condição de presidente em exercício, o vice-presidente autorizou indevidamente e sem o aval do Congresso Nacional a liberação de créditos suplementares. Os respectivos atos administrativos foram publicados no Diário Oficial entre novembro do ano passado e julho deste ano", diz Daciolo na petição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.