sábado, 26 de março de 2016

DORNELLES DECIDIRÁ SOBRE PAGAMENTOS


Na próxima segunda-feira, o vice-governador Francisco Dornelles, que ocupa o lugar do governador Luiz Fernando Pezão, licenciado em decorrência de um câncer—vai se reunir com os três secretários de estado que integram o gabinete de crise e terá que tomar uma difícil decisão: parcelar o pagamento do funcionalismo público ou dar prioridade a algumas categorias para o recebimento dos salários. Segundo fontes do governo do estado, a "situação é dramática", pois não há dinheiro suficiente para cobrir a folha de pagamento dos servidores ativos e inativos que é de R$ 1,8 bilhão. O encontro será no Palácio Guanabara. O pagamento de fornecedores também terá que passar por unia criteriosa análise. A prioridade será para as áreas de Saúde, Segurança e Educação. '

3 comentários:

  1. Necessidade sim tem prioridade, e não escolher quem vai receber. Lamentável!

    ResponderExcluir
  2. Segurança, saude e educacao leia-se secretárias ligadas a segurança saúde e educação. O médico PM/BM e professor q REALMENTE CARREGAM ESSE ESTADO NAS COSTAS, devem ficar a pé....

    ResponderExcluir
  3. Dividir salario isso é um crime contra o servidor e toda a sociedade, com isso faz-se quebrar o elo da corrente entre o servidor a família e a sociedade, tire um pouco de cada credor e arque com o compromisso de alimentar seus servidores que muitos estão desesperado com tal situação.

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.