segunda-feira, 21 de março de 2016

Muspe participa de audiência nesta terça-feira na Alerj

Representantes do Movimento Unificado dos Servidores Públicos Estaduais (Muspe) se reúnem nesta terça-feira com o líder do governo na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), deputado Edson Albertassi (PMDB). De acordo com a integrante da coordenação geral do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação (Sepe), Marta Moraes, o encontro é fruto da pressão do ato público que aconteceu em frente ao Palácio Tiradentes.


O objetivo é apresentar argumentos para o parlamentar de que não é mais possível a Casa aceitar qualquer mudança na reforma previdenciária do funcionalismo municipal, mesmo que o projeto seja reapresentado de outra forma. As categorias que compõem o Muspe promoveram semana passada uma greve de três dias. O Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Rio (SindJustiça) divulgou nota informando que a partir de desta segunda-feira vai recolher todos os pontos de greve para fins de abono.

De acordo com a direção-geral do sindicato, o momento é de avaliar as falhas e os acertos do movimento grevista. Segundo a nota, há comarcas em que os servidores possuem grau de consciência suficiente para sustentarem a luta sem precisar que o sindicato esteja presente o tempo todo. Mas há comarcas em que é necessário intensificar o trabalho. Serão promovidas caravanas com grupo formado por diretores do sindicato para conversar com os servidores da classe.

Profissionais da Educação, da Fundação Centro de Educação à Distância do Estado do Rio de Janeiro (Cecierj) e da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj), incluindo técnicos-administrativo e docentes, permanecem em greve esta semana. As categorias estão de braços cruzados por tempo indeterminado.

Na terça, profissionais da rede estadual fazem assembleia às 14h para discutir os rumos da greve. Será no Club Municipal, na Rua Haddock 359, na Tijuca, Zona Norte do Rio.

FONTE: O DIA

2 comentários:

  1. Se o Pezão está DOENTE e o vice também...
    Uma pergunta: Quem está governando o nossso ESTADO?
    Para onde esta indo o DINHEIRO de toda ARRECADAÇÃO...

    ResponderExcluir
  2. Alô MUSPE! já viram o pacotão do governo federal? É o pacotão do governo estadual PIORADO. Querem incorporar aos gastos com pessoal, os gastos com terceirizados, sabem o que isso representará aliado ao aumento da contribuição patronal para 28%( dos servidores 14%)? Representara o estouro do limite de LRF, assim o governo ficara autorizado a demitir. Agora nao precisarão nem dá apoio da Alerj, basta o Pezão assinar o acordo.

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.