quinta-feira, 21 de abril de 2016

Parte da ciclovia de São Conrado desaba na Avenida Niemeyer

'Tim Maia' foi inaugurada no último dia 17 de janeiro. Duas pessoas morreram por conta da queda da estrutura
O DIA

Rio - Parte da ciclovia Tim Maia, em São Conrado, na Avenida Niemeyer, Zona Sul do Rio, desabou na manhã desta quinta-feira. O trecho da queda tem 50 metros e fica na altura do número 500. De acordo com o Corpo de Bombeiros, dois homens morreram por conta do desabamento da estrutura e seus corpos foram resgatados no mar. Três pessoas ficaram feridas. As buscas por vítimas continuam na região. 

Parte da ciclovia Tim Maia, em São Conrado, desabouFoto: WhatsApp O DIA

Segundo os bombeiros, militares do quartel da Gávea, do Humaitá e do Grupamento de Operações Aéreas foram acionados, no fim da manhã desta quinta-feira, para uma ocorrência de queda de pessoa no mar, na Avenida Niemeyer, em São Conrado.

Uma das vítimas fatais é Eduardo Marinho, de 53 anos, que foi identificado pelo cunhado no local. 

Segundo as primeiras informações, a ciclovia foi derrubada por uma forte onda que além de destruir o local, também quebrou o parabrisa de um ônibus e teria arrastado uma mulher no calçadão.

"Ontem de manhã eu levei três turistas no Castelinho e sentimos a ciclovia tremendo muito cada vez que uma onda batia. Eu comentei que aquilo ia acabar caindo", Ana Lima, guia de turismo.


Agentes da CET-Rio estão no local e por conta do acidente, a Avenida Niemeyer, na altura do Castelinho, está totalmente interditada.

O desabamento ocorreu pouco mais de quatro meses após sua inauguração. Inaugurada em meados de janeiro, a ciclovia Tim Maia liga o Leblon a São Conrado e tem sete quilômetros de extensão.


Helicóptero dos bombeiros faz resgate após desabamento de ciclovia em São ConradoFoto: Maíra Coelho / Agência O Dia

A ciclovia Tim Maia – que ganhou o nome do cantor porque, no projeto original, vai ligar o Rio "Do Leme ao Pontal" – tem um trajeto total, que ligará o Leblon à Barra da Tijuca. A construção da vida teve o inicio em junho de 2014 com um custo de aproximadamente R$ 45 milhões. 


Em 17 de janeiro, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, inaugurou a primeira parte da ciclovia, que vai apenas do Leblon à São Conrado e tem apenas 3,9 quilômetros. Ainda não há data para a entrega da segunda parte da pista, que vai ligar São Conrado à Barra. 

FONTE: O DIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.