terça-feira, 10 de maio de 2016

ABMERJ em apoio aos Inativos

Doação de sangue ‪#‎LutopeloRio‬


Devido ao estado de falência múltipla dos órgãos vitais do Estado, conforme prontuário:


Órgão Segurança Pública - morrendo. Morrendo policiais, morrendo população, escalas de escravidão, sem pagamento dos serviços extras.

Órgão Educação - paralisia total. Professores em greve, escolas ocupadas, ano letivo quase perdido, nenhuma proposta do Governo.

Órgão Saúde - respirando por aparelhos. A dedicação dos profissionais de saúde é a única coisa que ameniza a falta de medicamentos, falta de materiais, falta de leito nos hospitais.


Tratamento: movimento unificado, apoio da sociedade, fitinhas pretas, ato público na ALERJ dia 18 quarta-feira as 14h.


Para salvar o Rio, pelos serviços públicos de qualidade, pelas nossas famílias. #LutopeloRio

2 comentários:

  1. A MAIORIA NA FOTO ( QUASE TODOS CELs ) QUANDO ESTAVA NA ATIVA , NÃO PENSAVAM NA COLETIVIDADE . FICA MUITO DIFÍCIL ENCONTRAR UM LÍDER NA PMERJ OU CBMERJ.

    ResponderExcluir
  2. ACHO QUE O DORNELES DEVERIA PAGAR TODOS OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS EXCETO OS DA POLICIA MILITAR, PAGUE DA PM SOMENTE OS OFICIAIS POIS OS PRAÇAS NOS SABEMOS QUE SE RECEBER TRABALHA E SE NÃO RECEBER TRABALHA TAMBÉM, O PRAÇA É TAO DOUTRINADO QUE DEIXA A FAMÍLIA PASSANDO FOME POIS RETIRA O PÃO DE SUA BOCA PARA CUSTEAR SUA PASSAGEM PARA O SERVIÇO , COMO EU GOSTARIA DE TER UM ESCRAVO ASSIM. E PASMEM COM A PIOR ESCALA DA SEGURANÇA PUBLICA TODOS OS OUTROS ÓRGÃOS SÃO 24X72 E ELES ACHAM NORMAL BURRO QUE NÃO RECLAMA CARGA NELE.

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.