domingo, 15 de maio de 2016

Em Niterói o SOCORRO é um pouco diferente, GUARDA-VIDAS corre pra FOGO no lugar de COMBATENTE

O Salvamento Marítimo em Niterói corre um sério risco de ficar a segundo plano.


Como se não bastasse o Quartel distante da praia, a falta de Postos, e combatentes comandando uma tropa especializada, agora podemos ver mais uma vez GUARDA-VIDAS correndo pra fogo. Nada contra correr pra fogo, até porque a tropa de GUARDA-VIDAS de Niterói é uma das mais brevetadas da Corporação, acontece que o maior problema todos já conhecem que é a falta de EFETIVO.

Existe uma batalha acontecendo entre os Comandos dos CBA METROPOLITANA e CBA SALVAMENTO MARÍTIMO para ver quem segura o socorro da Região Oceânica de Niterói, uma região altamente produtora de quedas de moto e incêndios florestais.

A iminente incorporação do TREM DE SOCORRO ao Grupamento Marítimo já está causando movimentações estranhas no Quartel. Há pouco mais de uma semana mais de 10 cabos e soldados foram transferidos do DBM 3/3 Itaipu, que funciona dentro das instalações do 4º GMar, em contra partida foram transferidos para o DBM 3/3 Itaipu alguns Subtenentes do 3º GBM, nada contra os Subtenentes, mas é uma atitude claro e evidente que FARINHA POUCA MEU PIRÃO PRIMEIRO.

O que precisa ser analisado é qual o ganho pode haver para o  Salvamento Marítimo e para o Salvamento Terrestre ao se tornar mais uma vez o GMar de Niterói em Quartel HÍBRIDO? Ambos são prioridades para a população. 

Isso sem contar que o maior reforço que o Salvamento Marítimo teve nos últimos 08 anos foi a desincorporação do TREM DE SOCORRO do Grupamento Marítimo.

SOS BOMBEIROS, pergunta ai para o Comando:

QUAL É A PRIORIDADE? 
POR QUE MEXER EM ALGO QUE JÁ ESTÁ FUNCIONANDO?
QUAL O INTERESSE NISSO? 
QUEM VAI FICAR COM O TREM DE SOCORRO?

APOSTEM SUAS FICHAS!!!
OBS.: O fator ENGENHARIA não foi levado em consideração!

FONTE: RECEBIDO POR WHATSAPP

Um comentário:

  1. não vejo nenhum benefício para o serviço de salvamento de praia, hoje precário com alguns postos desativados, com incorporação do socorro de incêndio. Ambos efetivos estão com deficiência. só que hoje esse problema não é da responsabilidade do cmt do 4º GMar e sim do cmt do DBM juntamento com o CMT do 3º GBM. ao assumir o socorro de incêndio o cmt do 4º GMar vai ficar com dois problemas na mão. se hj ele não consegue resolver um, como vai resolver dois?

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.