quinta-feira, 5 de maio de 2016

Secretária de Planejamento diz a servidores que Estado não possui caixa para pagar os próximos meses


Claudia Uchoa 

Os líderes do Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Estado (Muspe) ouviram da secretária de Planejamento, Cláudia Uchôa, que o Estado não terá dinheiro para quitar as folhas de pagamento a curto prazo. A secretária esteve na reunião entre o Muspe e membros do governo, que aconteceu ontem na Secretaria de Fazenda, e foi sincera ao ser questionada se a folha de agosto, a ser paga em setembro, corria risco.

“Setembro? Acho que podemos ter problemas muito antes disso”, disse ela a alguns servidores.

Esse não é o único problema. Se depender dos cofres do governo, segundo Cláudia, os pagamentos terão problemas já no pagamento de abril — previsto para acontecer no próximo dia 13 de maio.

O que poderá “salvar” os servidores é a Justiça. Os arrestos judiciais, que já garantiram os benefícios de 137 mil aposentados e pensionistas em abril, serão a solução nos próximos meses. Como o governo só tem à sua disposição “verbas carimbadas”, com destino já previsto quanto entraram nos cofres públicos, elas não podem ser utilizadas pelo Executivo para o pagamento de pessoal. Apenas o arresto judicial pode utilizar esse dinheiro para pagar o funcionalismo.

FONTE: EXTRA