domingo, 19 de junho de 2016

ATENÇÃO Associados, Amigos, Cabos Cursados, Servidores Públicos em geral!

3 comentários:

  1. Amigo Mesac, sou cabo cursado do interior e estarei impedido de ir na terça à Alerj, porém estarei quinta na manifestação do Muspe. Tenho visto a sua dedicação na luta pela causa, mas não tenho visto o mesmo empenho dos cabos cursados nessa batalha. Não podemos perder essa oportunidade que bate à porta de sermos promovidos e dar melhores condições às nossas famílias. Acho que se não formos incluídos nesse projeto, que é muito justo com os qbmp6, ocorrerá uma chuva de processos judiciais pelo fato de ferir o princípio da ISONOMIA. Mas a hora é agora e contamos com a associação para acompanhar de perto a apresentação desse decreto terça-feira na Alerj. Contamos com a compreensão do Sr. Comandante Geral e da Abmerj por uma questão de dignidade. Obrigado e, por favor, publiquem.

    ResponderExcluir
  2. IMPEACHEMNT JÁ!!!
    INTERVENÇÃO JÁ!!!
    QUALQUER COISA PARA TIRAR O PMDB DO GOVERNO, INCLUSIVE O PRESIDENTE DA ALERJ QUE ESTÁ CONIVENTE COM ESSA SACANAGEM TODA. ACORDEM MUSPE VAMOS AGIR IMEDIATAMENTE!!!!

    ResponderExcluir
  3. Por 3 vezes os cabos cursados foram convocados para somar com os QBM6 porem nao compareceram, a QBM6 luta ha 2 anos sozinha, por muitos caminhos percorreram, muitas portas foram fechadas, porem Deus abriu outras, e com uniao e inteligencia estamos alcançando o objetivo que muitos duvidaram. Contudo so a comissao dos QBM6 esteve representando tds os cabos cursados na reuniao com o CMD Geral, Dep Albertassi e Dep Rejane, foi acordado a mudança no decreto, que incluissem os cabos cursados e que o interticio de cb a 3 Sgt fosse para 8 anos e nao 6 anos. Hora quem acordou isso foi o proprio CMD Geral, a QBM6 nao tem culpa se o CMD nao pode cumprir com acordo, com isso alguns cabos cursados pensam que a QBM 6 teria que bater pe firme e dizer, promovam todos os cabos ou nao promovam ninguem.
    Ai eu pergunto, [e justo nadar, nadar, e morrer na praia

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.