quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Projeto de lei que prevê teste de integridade para servidores públicos gera polêmica


Comissão discutiu aspectos da lei que prevê teste de integridade 

Ganha força o descontentamento dos servidores públicos com o Projeto de Lei 4.850/2016, que prevê testes de integridade para os agentes públicos. O texto sugere a simulação de ofertas de vantagens aos funcionários públicos, “com o objetivo de testar a conduta moral e a predisposição dos agentes para cometer atos ilícitos”. O proposta é de autoria de quatro deputados e foi debatida por uma comissão especial da Câmara dos Deputados.

O deputado Rubens Bueno (PPS-PR) questionou a legalidade da lei na comissão. A Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef) criticou.

— Já existem diversos dispositivos de fiscalização de conduta. Não há qualquer fundamento numa proposta dessa — disse Sérgio Ronaldo da Silva, secretário-geral da entidade.

FONTE: EXTRA

2 comentários:

  1. Esse teste têm que ser aplicados e nos deputados , senadores, presidente, vereadores, prefeitos e governadores. São eles que estão fazendo essa cagada com o povo há anos.

    ResponderExcluir
  2. Excelente ideia!!! Deveriam começar pelo alto escalão do governo em Brasília.... Não fode

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.