quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Rioprevidência recebe parte dos imóveis prometidos pelo governo do Estado


RI Rio de Janeiro (RJ) 10/06/2016 - Governo do Estado põe à venda a casa de veraneio do governador na Ilha de Brocoió, ao lado da Ilha de Paquetá, na Baía da Guanabara. 

Quase quatro meses depois do anúncio do governador em exercício, Francisco Dornelles, da transferência de 10 imóveis ao Rioprevidência para ajudar no pagamento de aposentados e pensionistas até o fim de 2016, o governo do Rio oficializou, ontem, via Diário Oficial, a entrega de seis dos endereços prometidos. Três dos imóveis ficam em Niterói, e os demais no Rio de Janeiro — dois no Centro e um em Botafogo.

Em junho, Dornelles anunciou a alienação dos imóveis como uma das medidas encontradas pelo governo para diminuir o déficit de R$ 19 bilhões previsto para 2016. A partir de agora, caberá ao Rioprevidência fazer os estudos necessários para abir processo de leilão dos bens.

Ilha de Brocoió segue em processo de transferência

Entre os 10 imóveis prometidos ao Rioprevidência em junho, a propriedade que fica na Ilha de Brocoió, antiga residência de verão dos governadores do estado, segue em processo de transferência. Membros do governo não confirmam quando a entrega do imóvel vai acontecer, para que Rioprevidência consiga acelerar o processo de leilão.

Ao anunciar a alienação dos bens, o governo do Rio estimou receita superior a R$ 50 milhões. O problema é que o déficit previsto pelo Rioprevidência, em 2016, chega a R$ 12 bilhões.

FONTE: EXTRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.