Previsão do tempo:
Tempo negro.
Temperatura sufocante.
O ar está irrespirável.
O país está sendo varrido por fortes ventos.
Máx.: 38º, em Brasília.Mín.:5º, nas Laranjeiras.

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

BOMBEIROS TOMAM ESPUMANTE NA CHEGADA DO CABRAL


Manifestantes cercam carro da polícia que levou Sérgio Cabral para Bangu

O ex-governador Sérgio Cabral foi transferido para o presídio de Bangu, na zona oeste do Rio, na noite desta quinta (17). Pessoas foram às ruas para acompanhar a viagem feita pelo comboio de carros da Polícia Federal.

Ao chegar, o comboio foi recebido por comemorações de pessoas e de um grupo de bombeiros.

Eles soltaram fogos e carregavam um cartaz que dizia: "que a justiça seja feita".

Alguns bombeiros usavam um guardanapo na cabeça, em alusão à infame foto do então governador com empreiteiros e secretários do governo em um jantar em Paris.

Eles abriram uma garrafa de espumante e serviram às pessoas que acompanhavam a entrada do comboio.

Em 2011, quando Cabral era governador, cerca de 450 bombeiros foram presos após participarem de um protesto por melhores condições de trabalho

Sérgio Cabral, ex-governador do Rio, em viagem a Paris, com Fernando Cavendish, em 2009

Cabral deu entrada na Cadeia Pública José Frederico Marques, porta de entrada no sistema e, em seguida, será encaminhado para a Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira, ambas no complexo de presídios de Bangu.

A Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira é destinada a pessoas que possuem nível superior. Cabral é formado em jornalismo.

Em nota, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária disse que "todos os internos do sistema penitenciário fluminense são tratados de forma igualitária, com direito a banho de sol, refeições e visitas após o cadastramento."

A secretaria informou que o cardápio de almoço e jantar é composto por: arroz ou macarrão, feijão, farinha, carne branca ou vermelha (carne, peixe, frango), legumes, salada, sobremesa e refresco. O desjejum é composto por pão com manteiga e café com leite. Já o lanche é um guaraná e pão com manteiga ou bolo.

E ressaltou que o tamanho das celas são definidos de acordo com o que determina a Lei de Execuções Penais.

FONTE: FOLHA