quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Judiciário arresta contas do Rioprevidência para completar pagamento de ativos e magistrado inativos do TJ-RJ


Nesta terça-feira, o Judiciário estadual completou o arresto dos R$ 146,5 milhões necessários para o pagamento de serventuários e magistrados ativos do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ). Após reter valores que pertenciam a autarquias, como o Detran-RJ, a Justiça ordenou a retirada de recursos das contas do Rioprevidência. Foi por meio dessa ordem que todo o montante necessário foi alcançado.

A previsão é que os salários estejam nas contas nesta quinta-feira. Além do pagamento aos ativos, magistrados inativos do TJ-RJ foram beneficiados por uma ação da Associação dos Magistrado do Estado (Amaerj). Por meio dela, foram arrestados R$ 16,5 milhões para a quitação dessa parte da folha.

Os ex-magistrados também deverão receber nesta quinta-feira. Já os serventuários aposentados e os pensionistas dependerão de novos arrestos. Eles aguardam seus proventos, sem previsão.

FONTE: EXTRA

4 comentários:

  1. Quer dizer que os bonitinhos de gravatas não podem atrasar os salários, os outros podem? Cadê o dinheiro deles? Eles não têm gestão própria!? Agora tira dinheiro dos outros servidores pra pagar esses almofadinhas, que não fazem nada, são verdadeiros parasitas do estado, trabalham quando querem e legislam em causa própria, como estão fazendo agora! A barriga deles é diferente dos outros funcionários! Esse Poder "Jararaca", cheio de veneno, só serve pra fuder os outros servidores!!!

    ResponderExcluir
  2. É o Poder Judiciário mais caro do mundo, pra não produzir nada, se não bastassem as injustiças que são cometidas...é realmente o caos, executivo roubando de um lado, sufocando os servidores, espoliando, e do outro um PJ decidindo em causa própria, só visando os seus interesses! Que Justiça é essa???!! Vejam o Poder Judiciário na Venezuela, são serviçais do governo Maduro um déspota, um canalha, um corrupto! O daqui não tá longe disso, a caneta escreve e decide pro lado que lhe convier!? Isso é que chamam Justiça! Pobre de quem vai a liça em busca de Justiça!?

    ResponderExcluir
  3. É o Poder Judiciário mais caro do mundo, pra não produzir nada, se não bastassem as injustiças que são cometidas...é realmente o caos, executivo roubando de um lado, sufocando os servidores, espoliando, e do outro um PJ decidindo em causa própria, só visando os seus interesses! Que Justiça é essa???!! Vejam o Poder Judiciário na Venezuela, são serviçais do governo Maduro um déspota, um canalha, um corrupto! O daqui não tá longe disso, a caneta escreve e decide pro lado que lhe convier!? Isso é que chamam Justiça! Pobre de quem vai a liça em busca de Justiça!?

    ResponderExcluir
  4. Vamos acabar com essa casta de privilegiados, justamente aqueles que não fazem "porra" nenhuma, e, os demais, os párias do funcionalismo, ficam sem previsão de pagamento! O patrão é o mesmo, então temos que ter isonomia! Vamos acabar com essa canalhice, canalhice mesmo! Não estamos aqui dizer que os funcionários do PJ não mereçam, pelo contrário, a Cesar o quê é de Cesar, mas não pode haver discriminação tão aviltante com os demais servidores!? Como os Senadores e Deputados:vários cartões, de crédito, plano de saúde, verbas de todos os tipos, só falta "cartão termas', " cartão motel ", " cartão balneário ", " cartão amante ", etc... É uma verdadeira farra com o dinheiro público, uma sacanagem com o contribuinte! É o caos total!

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.