segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

AINDA ESTAMOS NA ALERJ (ACAMPADOS) E VAMOS PERMANECER ATÉ O DIA 14. VEM VEM VEM

5 comentários:

  1. É um fanfarão esse cel PM querendo negociar contra a tropa.
    Senhores, só vamos conseguir barrar esses projetos se conseguirmos por na alerj mais de 10 mil funcionários públicos e outros grupos da sociedade.
    Eu fico pasme por que o grupo, com todo respeito a eles, o LGBT, colocou em Copacabana mais de 600 MIL PESSOAS e nós não chegamos a nem 1% disso ontem dia 12. Eu fico triste.

    ResponderExcluir
  2. Pelo amor de DEUS SOSBOMBEIRO.COM, faz um chamamento total de todos os BM, PM,PC, DESIPE e Degase, Saúde, Professores, estudantes e toda a população para amanhã dia 14 a partir das 10:00 na alerj. Amanhã é o ultimo dia.

    ResponderExcluir
  3. Como querem jogar nosso aumento para Novembro/2017 se o secretário de fazenda disse q o Estado só tem como pagar os servidores até no máximo Julho/2017? Querem nos enrolar, essa proposta foi enviada pelo Pezão. Esses comandantes não me representam. Nós da segurança só servimos como massa de manobra contra o povo.

    ResponderExcluir
  4. Estou vendo a tv alerj e o deputado Julianelli da Rede disse para nós da segurança publica não acreditem nos seus comandantes a respeito do pagamento em dia; Pós o governo não tem dinheiro para cumprir. Essa jogada é só para votar o aumento do rio previdência. Vamos ir amanhã ,14, para alerj.

    ResponderExcluir
  5. Vamos por a estatua de Tiradentes para andar na 1° de Março, só assim que eles vão nos entender. tem que radicalizar.

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.