domingo, 15 de janeiro de 2017

Crise faz militares usarem viaturas ou trocarem de batalhão para trabalhar

Muitos servidores ainda não receberem salários e nem o décimo terceiro

Rio - Devido à crise financeira do estado, o comandante-geral da corporação e secretário de Defesa Civil coronel Ronaldo Jorge Brito de Alcântara autorizou as unidades a disponibilizarem viaturas para buscar em casa os militares que não tenham dinheiro para pagar a passagem.
Documento autoriza que militares sejam buscados em casa se não tiverem dinheiro para trabalharReprodução

A autorização foi publicada no Boletim Interno da corporação no último dia 9. Muitos servidores ainda não receberam salários e nem o décimo terceiro. Para conseguir o transporte, o militar deve procurar a unidade onde é lotado com, no mínimo, 24 horas de antecedência do dia de serviço. 

No documento, o comandante-geral também veda a convocação dos militares para atividades que não sejam de emergências e autoriza, ainda, que os comandantes das unidades alterem a escala de 24x72h para 48x144h se houver interesse por parte dos militares.

A assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros informou que a medida é válida toda vez que a data do depósito do pagamento ultrapassar os 30 dias. Ainda de acordo com a assessoria, a medida foi tomada com o objetivo de manter a operacionalidade do CBMERJ no atendimento à população.

PMs também passam por dificuldades

O comandante-geral da PM, coronel Wolney Dias se reuniu, na sexta-feira, com o governador Pezão e, neste encontro, foi sinalizado que o governo está empenhado para que o pagamento referente ao mês de dezembro seja efetuado até a quarta-feira.

O coronel Dias tem buscado interlocuções junto ao Estado para assegurar os direitos dos policiais militares e orientou os comandantes dos batalhões que conversassem com suas tropas.

O comando do 12° BPM (Niterói) reuniu-se com os policiais de seu batalhão, na sexta, e informou a eles a previsão de pagamento. Durante a conversa, 12 agentes lhe informaram estar passando por dificuldades financeiras, mas apenas uma policial afirmou não ter como se deslocar à sede do batalhão no Centro de Niterói, na semana que vem. Ela foi orientada a se apresentar na 4ªCIA em Maricá, que é perto da residência dela.

FONTE: O DIA

6 comentários:

  1. ESSA GENTE JÁ DEIXOU DE SER ENGRAÇADA E PASSOU A SE AUTOMUTILAR: "COMO ACEITAR PAGAMENTOS EM DIA E 13º COM UM ROMBO NAS CONTAS DOMÉSTICAS?"; EM PRINCÍPIO, JÁ SOFREMOS COM OS SALÁRIOS DEFASADOS, EM CONTRAPARTIDA TEMOS DE COMPLEMENTAR OS SALÁRIOS PARA NÃO FICAR NEGATIVO E ENTRAR NO "LIS" BANCÁRIO E VEMOS A BUSCAR FAMINTA DO GOVERNO EM RETIRAR O AUMENTO QUE É UM PALIATIVO NO INÍCIO DO ANO, RETIRAR TRIÊNIOS QUE É O ÚNICO AUMENTO GARANTIDO, ATÉ ENTÃO, E , AINDA, QUEREM SUBTRAIR MAIS UMA PARCELA EM DESCONTOS QUE SOMADOS CHEGAM A 20% DE MISERICÓRDIA; È PLAUSÍVEL ACEITAR ISSO? NÃO! A HORA DE FAZER PRESSÃO A ALERJ É AGORA, NÃO SÓ SERVIDORES COMO TODA POPULAÇÃO CARIOCA, PORQUE, UMA VEZ O SERVIDOR QUEBRADO, QUEBRADO TAMBÉM OS SERVIÇOS QUE A TODA POPULAÇÃO CABE. SOMOS UM SÓ CORPO NESSA HORA, NÃO DÁ MAIS PARA RECUAR! OU ESQUECEMOS QUE FOMOS NÓS QUE COLOCAMOS ELES NO PODER, QUEM COLOCA PODE TIRAR!!!

    ResponderExcluir
  2. BOMBEIRADA E POLIÇADA SEM CULHÃO, A HORA É DE PARAR A PORRA TODA, VAMOS VER SE ELES VÃO TER O QUE ESPLICAR PARA A POPULAÇÃO E SEUS FAMILIARES QUANDO OS BANDIDOS ENTRAREM EM SUAS CASAS E ROUBAREM, ESTRUPAREM E MATAREM.

    ResponderExcluir
  3. domingo, 15 de janeiro de 2017
    PAGAMENTO JÁ ! BOMBEIROS VÃO PRESSIONAR ! GOVERNO PEZÃO ASSUSTADO !

    Os MILITARES integrantes do Corpo de bombeiros do Estado do Rio, pretendem fazer no início do expediente do DIA / PLANTÃO da próxima terça-feira dia 17/01/2017 reunião em diversas de suas Unidades / Quartéis, onde vão debater estratégias e mobilizações, para pressionar o governo do Estado a pagar os salários dos servidores do Estado.

    Segundo informações, confirmadas por veículos da imprensa, o movimento conta com o apoio dos oficiais, e não se trata, ainda, de paralisação, e sim de reivindicar um direito, que o governo não vem respeitando e está trazendo sérios problemas ao bom funcionamento da corporação.

    O SALÁRIO DE DEZEMBRO SERÁ COBRADO, ficando estabelecido como DATA MÁXIMA para que ele seja quitado integralmente até a próxima sexta-feira, dia 20 de janeiro.

    O NÃO PAGAMENTO ATÉ ESSA DATA poderá resultar, já a partir de SÁBADO dia 21, na adoção de medida em que, os BOMBEIROS irão atuar exclusivamente no atendimento de CHAMADAS de Grande RISCO, que incluem salvamento em acidentes de veículos, incêndios, atropelamentos ou desabamentos.

    A CORPORAÇÃO NÃO DEIXARÁ DE CUMPRIR SUA OBRIGAÇÃO, mas é forçoso reconhecer que, ninguém consegue prestar um serviço de qualidade, ainda mais quando esse serviço é de ALTO RISCO, exige equilíbrio físico e psicológico, como o realizado pelos BOMBEIROS, com o militar desestabilizado por sérios problemas familiares, dívidas, sem dinheiro para locomoção e alimentação adequada.

    GOVERNO SE ASSUSTA COM MOBILIZAÇÃO DO PESSOAL DA SEGURANÇA

    A PARALISAÇÃO NO ATENDIMENTO DE QUASE TODAS AS DELEGACIAS NA MANHÃ DE ONTEM, assustou aos integrantes do GOVERNO. A promessa de uma reunião de diversas categorias de policiais civis amanhã, para decidir sobre a ampliação das ações de protesto pelo não pagamento, somados a decisão de vários policias militares de entrarem de LICENÇA MÉDICA, enquanto outros prometem se apresentar para o turno de trabalho em Batalhões próximos à sua residência, foram a gota d'água.

    Se levado adiante esse movimento, inclusive já se tem BATALHÕES reduzindo turno de trabalho, com os oficiais reconhecendo ser impossível que a tropa continue em situação de normalidade, sem receber salário, vai faltar PM nos BATALHÕES da ZONA SUL da Cidade.



    E ainda tem o risco de REBELIÃO no Sistema Prisional. O Pessoal do DESIPE também está em situação muito difícil.

    NÃO SE SURPREENDAM, SE O GOVERNO ABRIR O "COFRE" ANTECIPADAMENTE AO ANUNCIADO.

    ResponderExcluir
  4. AO INVÉS DO MINISTRO MEIRELES,. MANDAR A NEGOCIAÇÃO PARA A MINISTRA DO SUPREMO FOI PASSEAR. POIS A REUNIÃO QUE ELE TEM É MAIS IMPORTANTE, DO QUE ENCHER AS PANELAS DOS SERVIDORES. È PEZÃO TA SEM MORAL NENHUMA, E É DO MESMO PARTIDO.
    JUNTOS SOMOS FORTES@@@@

    ResponderExcluir
  5. Anônimo disse...
    PQ O BOMBEIRO E A POLICIA MILITAR, NAO COMEÇAM A COLOCAR CONSCRITOS PARA SERVIREM TEMPORARIAMENTE E ASSIM FAZER UMA GRANDE ECONOMIA NO ESTADO, ACHO Q SERIA UMA SOLUÇÃO. JÁ Q TEMOS UM QUADRO DE SARGENTO, SUBTENENTES E OFICIAIS COM GRANDE NUMERO DE MILITARES ????

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.