terça-feira, 21 de março de 2017

Temer retira policiais e professores estaduais da reforma da Previdência


O presidente Michel Temer 

BRASÍLIA - Em um pronunciamento de última hora, o presidente Michel Temer disse, na noite desta terça-feira, que a reforma da Previdência abarcará apenas servidores federais. Caberá aos estados e municípios, segundo ele, a adequação de suas legislações e a realização de normas próprias em relação ao assunto. Temer disse que faz isso para evitar uma "invasão de competência" e pra fortalecer o princípio federativo.

— (...) Surgiu com grande força a ideia de que nós deveríamos obedecer a autonomia dos estados e, portanto, fortalecer o princípio federativo e, assim sendo, fazer a reforma da Previdência apenas referentemente aos servidores federais, ficando portanto aos estados e municípios a edição de normas relativas a essa matéria - disse Temer.

Temer fez o comunicado cercado pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, do senador Romero Jucá, do ministro da secretaria geral da Presidência, Moreira Franco, e do relator e presidente da comissão que analisa a PEC da Previdência na Câmara, deputados Arthur Maia e Carlos Marun, respectivamente

FONTE: EXTRA

4 comentários:

  1. era tudo que o governador pezão queria, autonomia pros estados fazerem a reforma individualmente. mais uma vez estaremos nas mãos desse incopetente!

    ResponderExcluir
  2. SGT FTANK LAURO
    Incompetente de bosta , essa é a verdade ....hoje está no governo amanha não ou ainda preso ...

    ResponderExcluir
  3. Na ALERJ não passa nada é só a Bombeirada voltar pra rua.

    ResponderExcluir
  4. Tenho Certeza que o Mesac estará tomando a frente dessa luta na ALERJ.
    A Bombeirada tem que fechar com ele pra enfrentar o pacote do Pezão.

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.