domingo, 22 de outubro de 2017

ARTICULAÇÃO DA ABMERJ INCLUI BOMBEIROS NO DESCONTO PARA COMPRA DE ARMAMENTO

Lei que dá desconto na compra de armas por servidores da Segurança é sancionada


CLIQUE NA IMAGEM E OUÇA O AUDIO

Publicação no Diário Oficial será nesta segunda-feira

Rio - O governador Luiz Fernando Pezão sancionou, nesta sexta-feira, uma lei que possibilita a policiais civis e militares, bombeiros, inspetores de Segurança e Administração Penitenciária descontos na aquisição de arma de fogo.

Segundo informações da assessoria do Governo, a legislação estadual foi sancionada para atender às reivindicações dos policiais, que consideram o barateamento das armas comercializadas no estado como fator necessário para a melhoria nas condições de trabalho e de segurança pessoal nos horários de folga.

A facilidade será oferecida, a cada cinco anos, aos agentes, incluindo também inativos vinculados a cada uma das categorias. A sanção será publicada no Diário Oficial desta segunda-feira

O projeto de lei foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj) em setembro, com 40 votos favoráveis e 10 abstenções. Em plenário, foi decidida a substituição do projeto original, e a inclusão dos servidores do Corpo de Bombeiros e dos inspetores penitenciários.


2 comentários:

  1. Mesac, respeito muito você, mas não vejo nenhum interesse disso por parte dos Bombeiros.

    ResponderExcluir
  2. Eu sou bombeiro militar da turma de 97 e vejo. Mas Mesa por favor interceda ao novo CMD geral para as liberações das armas de uso restrito 40 e 45. Quero te o direito de defesa da minha família e a minha vida.

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.