domingo, 12 de novembro de 2017

Comandante é exonerada após PM ser preso com dinheiro em batalhão

Envelopes, que estavam com policial, continham R$ 18 mil.



A comandante Cláudia Lovalin, do 3º Comando de Policiamento de Área (CPA), em Nova Iguaçu, foi exonerada do cargo depois que um policial foi preso nesta sexta (10) em sua unidade, com envelopes contendo dinheiro. A informação foi divulgada hoje (11) pela Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, depois que o jornal O Dia noticiou a exoneração e informou que os envelopes continham R$ 18 mil.

"Diante da gravidade do fato, o Comando-Geral da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro decidiu exonerar a Comandante do 3º CPA", diz a nota divulgada pela Polícia Militar.

O policial que portava os envelopes foi preso em flagrante e encaminhado à Unidade Prisional da PM, em Niterói. Outro policial que o acompanhava foi preso administrativamente e ficará detido no próprio batalhão onde trabalha, o 20º BPM (Mesquita). O texto divulgado pela polícia não informa a identidade dos policiais detidos.

A Polícia Militar afirma que o fato vinha sendo investigado pela 3ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar que filmou o momento em que os policiais saíram de um prédio comercial e se dirigiram ao 3º CPA, unidade que comanda o policiamento na Baixada Fluminense e fica nas dependências do 20º batalhão. Dentro da unidade, eles foram abordados e detidos.


No mês passado, o comandante do 20º batalhão já havia sido exonerado, após uma investigação da corregedoria da Polícia Militar que apontou o envolvimento de policiais militares da Baixada com contraventores da região.



Fonte:  R7

5 comentários:

  1. E o Cel não foi preso, agora vai. Federal e Dr bretas nele. Si FU.

    ResponderExcluir
  2. Coronel não vai preso. É reformado administrativamente. Com todos os direitos. Já o praça em menos de 15 dias está na rua e sua família à míngua. Morte aos ratos

    ResponderExcluir
  3. prisao perda de funçao ja agora para essa banda podre da pmerj e cbmerj pra ja?? mperj cgu alerj???

    ResponderExcluir

"O Estado não tem poder algum sobre a palavra, as idéias e as convicções de qualquer cidadão dessa República e de profissionais dos meios de comunicação social." (Ministro Celso de Mello - Supremo Tribunal Federal) - Se identifiquem por gentileza, comentar não é crime!MUITO IMPORTANTE: O foco do movimento é a DIGNIDADE. E é para esse objetivo que o blog existe. Por isso, comentários que não compartilhem do mesmo objetivo poderão ser removidos. Não podemos publicar ofensas! Não insista! Defenda sua ideia ou crítica de forma respeitosa.