quinta-feira, 9 de novembro de 2017

‘Convocações somente com os salários em dia’, diz Pezão sobre a nomeação de PMs



O governador Luiz Fernando Pezão falou ontem, em agenda no interior do Estado, que não deve convocar parte dos 4 mil concursados para a Polícia Militar enquanto não colocar os salários em dia.

— Vamos fazer com calma. Isso só (será feito) depois que colocar os salários em dia. Com muita tranquilidade. Perdemos 4 mil policiais entre 2015 e 2016. Faremos com tranquilidade essa transição — disse Pezão.




Fonte:  EXTRA