segunda-feira, 29 de outubro de 2018

Gabinete de intervenção cancela cessão de 155 bombeiros do Rio a outros órgãos

O gabinete de intervenção federal na segurança pública do Rio decidiu cancelar a cessão de 155 bombeiros militares a outros órgãos do Executivo, do Legislativo e do Judiciário, uma vez que a corporação "encontra-se com um grande déficit de efetivo, o que tem prejudicado o desenvolvimento das atividades nas unidades sob sua responsabilidade".

Outra razão para revogar o empréstimo de bombeiros, segundo o Decreto 23, assinado pelo interventor federal, general Walter Souza Braga Netto, é que não há previsão de novo concurso para a corporação  a curto prazo. Segundo o gabinete, há militares cedidos às três esferas administrativas (municipal, estadual e federal).

A listagem dos bombeiros que deverão retornar ao local de origem foi publicada no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira, dia 29, nas páginas de 3 a 5. Os militares relacionados deverão comparecer ao Quartel Central do Corpo de Bombeiros, na Praça da República, no Centro do Rio, em até 48 horas.

Depois disso, eles estarão aptos a assumir o serviço em acordo com as determinações do Comando-Geral da corporação.


Fonte: Jornal EXTRA.