quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Resultado da arrecadação define pagamento do estado nesta quarta-feira

O governo estadual espera nesta terça o resultado da arrecadação, sobretudo a de royalties e participações especiais do petróleo, para poder pagar nesta quarta-feira (dia 14) os vencimentos de outubro ao funcionalismo estadual, segundo integrantes do Palácio Guanabara. O calendário oficial prevê o depósito na próxima sexta-feira, que é o décimo dia útil do mês seguinte ao trabalhado.
Mas a antecipação do salário vem sendo planejada após o dia 10 (que caiu no último sábado), conforme a Coluna informou na edição de 2 de novembro. Apesar dos indicativos para o pagamento sair amanhã, ou seja, antes do feriado de 15 de Novembro (na quinta-feira), o governo prefere não cravar oficialmente a data enquanto todos os recursos necessários não estiverem garantidos.
Mas pelas projeções de receita, a sinalização é de que será possível sim quitar a folha de outubro dos mais de 400 mil servidores ativos, aposentados e pensionistas do Estado do Rio. A ideia é a seguinte: assim que houver confirmação, ainda hoje será divulgado às categorias por meio de canal do WhatsApp.
alário de setembro saiu antes
No mês passado, o estado quitou o salário de setembro antes do prazo oficial. O depósito dos vencimentos saiu no dia 11, e o décimo dia útil caiu em 15 de outubro. A medida sinalizou que a política é de antecipação do pagamento se houver disponibilidade de caixa.
Governo Witzel
O governador eleito Wilson Witzel (PSC) anuncia esses dias quem será o procurador-geral do Estado a partir de 2019. Agora, o nome mais citado na PGE-RJ é do procurador Marcelo Lopes, que está na comissão de transição e trabalhou na campanha de Witzel. Lopes atua na Procuradoria de Pessoal e foi assessor jurídico na Secretaria de Fazenda durante o governo Cabral. Desde a eleição de Witzel que ele era o mais cotado para assumir o cargo.
Aberto o prazo
Todas as categorias do Executivo estadual devem ficar atentas. O recenseamento obrigatório começou ontem para os nascidos em novembro, que terão até o dia 23 para fazer o recadastramento. O procedimento, realizado em qualquer agência do Bradesco no país, é considerado fundamental para o controle da folha de pagamentos. Quem não comparecer ao banco durante o prazo terá o pagamento de salário suspenso.
Documentos
A relação dos documentos exigidos é quase a mesma para servidores ativos, aposentados e pensionistas. Em geral, eles devem apresentar Identidade ou documento de identificação oficial com foto (inclusive digital, contendo a informação); CPF; comprovante de residência em nome próprio recente nos três últimos meses (como contas de luz e telefone) e título de eleitor ou e-título.
Pensionista menor
Pensionistas menores de idade que não possuírem comprovante de residência em seu nome deverão apresentar declaração assinada pelo titular do endereço onde residem. E para aqueles que não têm Identidade é preciso levar certidão de nascimento. Vale lembrar que os ativos, inativos e pensionistas com portabilidade bancária também deverão comparecer às agências do Bradesco.
Servidor padrão
A Secretaria Municipal de Saúde do Rio realizará, amanhã, a cerimônia do 'Funcionário padrão 2018'. Ao todo, 73 servidores foram indicados por seus próprios colegas de trabalho em votações internas nos órgãos da pasta. O evento será no Teatro Carlos Gomes (na Praça Tiradentes), a partir das 9h, e terá apresentação da banda da Guarda Municipal.
Mais 179 médicos
Também amanhã, a Saúde vai receber no auditório do Centro Administrativo São Sebastião (CASS), na Cidade Nova, 179 médicos que foram aprovados no último concurso realizado pelo município em 2017. Os profissionais foram convocados desde 18 de outubro. Na ocasião, os concursados saberão suas lotações e os próximos passos para a contratação.
fonte: o dia